Dicas de como cuidar da lataria do carro

0

A maioria dos brasileiros é apaixonada por carro e se interessa em limpar o seu automóvel, seja por higiene, estética, vaidade ou simplesmente pela satisfação em ter seu carro sempre bonito e bem cuidado. Porém, pouca gente sabe que os cuidados com um veículo vão muito além da tradicional lavagem.

Atualmente, a lataria dos carros são feitas de materiais muito mais frágeis do que eram no passado. Assim, existem uma série de precauções que devem ser tomadas para que essa parte do carro se mantenha bonita e bem conservada.

Podemos dizer que existem dois tipos de tratamentos para a lataria: o tratamento preventivo e o corretivo.

  1. O primeiro representa as ações para evitar os possíveis problemas, é o que vai dar ao carro um aspecto mais novo, vai valorizá-lo e te deixar com vantagem na hora da troca.
  2. Já o segundo é uma tentativa de reparar o que já deu errado, custa sempre mais caro  e pode não ter resultados. Como diz o velho ditado, “é melhor previnir do que remediar”, por mais que essa prevenção seja mais trabalhosa.

Lavar da maneira correta

A primeira dica se trata justamente sobre o cuidado na lavagem. Evite as famosas “lavagens de balde” ou em postos de lavagem que utilizem bucha para espalhar o sabão na pintura. Nos dois casos, as partículas de sujeiras que ali existem vão arranhar o verniz e criar pequenos riscos que já danificam a lataria. O recomendável é lavar o carro usando uma flanela especial feita de microfibra, pois elas minimizam o atrito e não retém essas pequenas partículas.

Estacionar longe de árvores

Outro cuidado é o local onde você vai estacionar seu carro. Evite parar debaixo de árvores, já que elas podem abrigar pássaros que correm o risco de lançar fezes sobre o veículo. O estrago pode ser maior do que uma simples sujeira, já que algumas fezes podem liberar um ácido que mancha o verniz.

Muito Sol faz mal

Procure não deixar o carro exposto ao sol por muito tempo, principalmente se o veículo tiver uma pintura metálica. Elas possuem pó de alumínio, igrediente nocivo que, com a ação do sol, acaba danificando as camadas de pintura do carro.

Use a capa de proteção adequada

Pouca gente sabe, mas as capas para carro também não são recomendadas. Isso porque elas acabam agindo como uma espécie de estufa, prejudicando ainda mais a condição da lataria. Exsitem algumas capas térmicas que podem ser usadas, mas procure garantias de que o produto tenha mesmo uma boa qualidade.

carro com capa vermelha

Cera sempre sem silicones

Existem algumas ceras  não agridem a pintura do carro e tem a capacidade de proteger a pintura do véiculo. Procure um estabelecimento que tenha essa opção, mas não deixe de perguntar qual é o tipo de material usado no enceramento. Lembre-se que a cera não pode conter silicone em sua formação.

Polimento dá brilho e proteje a pintura

No que diz respeito aos tratamentos corretivos, há dois processos que se destacam. O primeiro é o polimento, que serve para consertar superfícies com desgates leves. Ele vai eliminar alguns pequenos riscos e dar um maior brilho à pintura. Ainda assim, é recomendável procurar um especialista para saber se o polimento é necessário e terá resultados. A outra técnica é a revitalização da pintura, que funciona como uma sequência de polimentos, recomendável para pinturas mais desgastadas. Apesar de mais efetiva, essa técnica tem um custo considerado bastante elevado.

Portanto, o ideal é seguir as dicas de prevenção, para não ter que desembolsar uma boa grana depois que o estrago estiver feito. Lembre-se também que, caso a lataria tenha sido danificada  por pequenos acidentes, não tente resolver sozinho, procure os famosos “martelinhos de ouro”, mas faça um orçamento em no mínimo dois locais!

Gostou? Compartilhe!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.