Vantagens e Desvantagens do tijolo Ecológico

5

Diante da atual preocupação com o meio ambiente, pesquisadores de todas as áreas buscam criar novos produtos que diminuam o impacto ambiental e ainda sejam bons para os consumidores. É nesse cenário que surgiu o “tijolo ecológico”, que além de causar menos danos ao meio ambiente em relação aos tijolos convencionais, também possui uma série de vantagens para quem deseja construir uma casa ou estabelecimento.

O tijolo ecológico é formado através da mistura de 88% de solo e 12% de cimento, mais agua para unificar a massa e que passam por uma prensa hidráulica, onde recebem uma pressão de cerca de seis toneladas. Dessa forma, não há o processo de queima ao forno, que é usado na produção de tijolos de barro comum, evitando o desmatamento (pois nesses casos a madeira é usada como combustível) e a poluição atmostférica.

 

Vantagens do tijolo Ecológico

Além de contribuir para o meio ambiente, as características físicas do tijolo ecológico ainda trazem uma série de benefícios. Por exemplo, suas faces lisas e de duplo encaixe dispensam a utilização de reboco, permitem que as paredes se mantenham perfeitamente niveladas e com um belo acabamento, oferecendo estética e beleza para a casa. A arquitetura dos tijolos ecológicos também dispensa o uso de pregos, arames e madeiras.

Esse tipo de tijolo também é chamado de “tijolo modular”. Isso porque seu princípio de montagem tem como base medidas e formatos padrões, o que permite uma precisão muito maior na hora do uso. Essa característica traz grandes pontos positivos como uma diminuição drástica na quantidade de cimento e no tempo de conclusão da obra. Além disso, ele também permite que as colunas e vigas sejam construídas como maior facilidade e ainda favorece uma obra mais limpa, com menos entulho e materiais desnecessários.

parede de tijolo ecológico

Por incrível que pareça, o tijolo ecológico ainda traz mais benefícios. Ele funciona como um excelente sistema acústico: devido aos dois furos que ele possui, a parede acaba formando um ambiente de isolamento acústico e, dessa forma, os barulhos e ruídos que vierem da rua não vão incomodar. Os furos dos tijolos também proporcionam um isolamento térmico, pois são formadas câmaras térmicas que impedem que o calor de fora chegue dentro da casa. Por fim, esses furos ainda propiciam a evaporação do ar, evitando a formação de umidade nas paredes.

Tudo essas vantagens, é claro, tem um preço. E como era de se imaginar, os tijolos ecológicos são mais caros do que os convencionais. Apesar disso, as empresas que produzem esse tipo de tijolo garantem que seu uso pode reduzir o custo da obra em até 20%. A explicação é que uso desse material reduz o custo das fundações, do acabamento (já que ele não requer reboco, emboço, chapisco, etc) e ainda reduz o tempo da obra, o que permite um menor gasto com a mão-de-obra.

Desvantagens do tijolo Ecológico

Para não dizer que os tijolos ecológicos são completamente bons, existem sim algumas desvantagens. Por exemplo, sua utilização requer um pedreiro minimamente qualificado, que tenha noções básicas de técnicas de aplicação e requisitos de sistema na montagem. Outro ponto negativo é que o material não pode ser utilizado onde há grandes exposições à umidade.

Apesar disso, as vantagens paracem superar as desvantagens. Por isso, se você deseja construir uma casa relaxante, segura, ecológica e econômica e que não demore muito para ser construída, vale a pena testar os tijolos ecológicos!

Share.

5 Comentários

  1. Avatar

    Tenho um lote, onde quero construir uma frutaria e uma habitação nos fundos. Será que compensa faze-la em superadobe?

  2. Avatar

    Nossa adorei as informações do tijolos ecológicos mais gostaria de saber q fundacao e propriada pra sobrado construção com este tijolos achei lindos mais nao mostra nem hum vidio fundacao pra construi sobrados so casa normal com fundacao radier

  3. Avatar
    José Humberto Trivisan on

    Bela reportagem sobre as vantagens, sobre a desvantagens concordo com a mão de obra do construtor tem que ter qualidade de trabalho pois é um material que vai ficar a vista.

    Sobre a umidade gostaria de lembrar que a umidade tem que ser tratada na sua fonte, (aplicando um aditivo impermeabilizante, indicado para locais que ficam em contato com a água e precisam de impermeabilização), estacas, blocos, baldrame e na primeira fiada na argamassa de assentamento do tijolo ecológico.

    Após as paredes prontas e a casa coberta, vem a proteção com um bom hidrofugante / hidrorepelente, que são usados na proteção e conservação dos tijolos ecológicos.

  4. Avatar

    O principio da sustentabilidade é divino, é sagrado ! Viver de forma sustentável é amar a própria vida, bem como a vida do próximo. Sem dúvida , serei um eterno guardião da natureza, zeloso e fiel, vivendo em plena harmonia com ela. Isso é sustentável.

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.