Tipo de óleos seguros para hidratar tábua de corte

1

Produtos Seguros e Recomendados

Óleo Mineral

garrafa de oleo mineral para tábua de corteO óleo mineral (às vezes chamado de parafina líquida ou vaselina) é um produto não tóxico, não secante, derivado do petróleo e que é incolor, inodoro e sem sabor.

Suas propriedades impedem a absorção de água, o que torna o óleo mineral de grau alimentício (conforme determinado pelaFDA– o equivalente a ANVISA) uma escolha popular para itens de cozinha de madeira, como colheres, tigelas e, é claro, tábuas de corte.

A palavra chave aqui é segurança alimentar, pois existem tipos de óleos minerais que não são seguros para consumo humano. Estes são frequentemente utilizados como lubrificantes para máquinas ou encontrados em lojas de automóveis ou ferragens.

Se você está preocupado em selecionar o óleo mineral certo, os produtos rotulados como “óleo mineral branco” são considerados seguros. Certifique-se sempre de ler atentamente o rótulo do produto, se não tiver certeza sobre o uso correto. Mas você sempre tem a opção de  comprar  o óleo mineral especificamente misturado para uso em tábuas de corte em lojas especializadas…. claro que vai custar mais caro.

Você também tem a opção de fazer sua própria mistura caseira. Veja AQUI como que faz.

A aplicação regular de óleo mineral impedirá que as tábuas de corte fiquem secas e quebradiças, o que pode causar rachaduras. Uma tábua que é tratada com óleo também evita a penetração de líquidos, que geralmente é a fonte de germes e bactérias.

Cera de abelha

placas de cera de abelha A cera de abelha também é uma escolha popular para a manutenção da placa de corte. É uma cera natural produzida nas colmeias de abelhas e tem uma variedade de aplicações. Usa-se cera de abelha para hidratar, dar brilho e impermeabilizar uma tábua de corte.

Você pode comprar frascos com ceras prontas para o uso, ou derreter uma parte de cera de abelha e combinar com 4 partes de óleo mineral em uma panela para fazer sua própria mistura (COLOCAR LINK DA RECEITA AQUI)

Óleo de coco fracionado

garrafa de coco fracionado Óleos de coco se tornaram populares recentemente para uma variedade de finalidades, especialmente em beleza, porque é rico em gorduras saturadas que são boas para a saúde da pele. Infelizmente, todas as gorduras expostas ao ar eventualmente ficam rançosas e o óleo de coco não está imune. No entanto, um grupo seleto de óleos de coco é refinado usando um processo que deixa o óleo quase puro. Este tipo de óleo de coco não fica rançoso, é estável em prateleiras e é superior à maioria dos outros óleos para tratar não apenas tábuas de corte, mas também seus utensílios de cozinha, saladeiras, bancadas e colheres.

Note que nem todos os óleos de coco podem ser considerados seguros para os alimentos! Leia atentamente o rótulo antes de comprar o produto.

Carnaúba

barra de cera carnauba Também conhecida como cera do Brasil, esta cera é derivada das folhas de uma palmeira nativa do Brasil. Às vezes chamada de “a rainha das ceras”, a carnaúba é valorizada por seu acabamento brilhante e resistência à água e é frequentemente usada em ceras para automóveis, pomadas, cosméticos e até fio dental. Como a cera de abelha, os óleos e cremes de tábua de corte comercialmente disponíveis geralmente contêm uma mistura de carnaúba, cera de abelha e óleo mineral.

Bicarbonato de sódio

recipiente de vidro com bicarbonato de sódioO que não podemos fazer com o bicarbonato de sódio? Você pode usar com segurança bicarbonato de sódio para remover manchas difíceis de uma tábua de corte ou bloco de açougueiro. Polvilhe bicarbonato de sódio sobre o local manchado e esfregue com um pano, pincel ou esponja embebida em água quente.

Suco de limão

Se a sua tábua começar a cheirar mal, um dos truques mais fáceis para lidar com isso é cortar um limão ao meio e passá-lo por toda a superfície. O ácido ascórbico no limão reage e oxida o material orgânico (bactérias e gorduras) que são a causa de odores e manchas. O óleo de limão natural também força a remoção de qualquer material solúvel.

hidratando tabua de carne

Veja AQUI  a  mistura perfeita de cera e oleos para hidratar tábua de corte e utensílios de madeira . A famosa “MANTEIGA” para madeira

Veja AQUI  como fazer esse tratamento e com que freqüência para obter um excelente resultado

Use com precaução e cuidado

Óleo de tungue

 Um óleo derivado da árvore tungue originária do sul da China, é muito popular em madeira para criar um visual acetinado com um ligeiro tom dourado. No entanto, existem duas razões para ser cauteloso: 1) algumas pessoas são terrivelmente alérgicas ao óleo de tungue, uma vez que é feito de uma nogueira. 2) O nome “óleo de tungue” é freqüentemente usado pelos fabricantes de tintas e vernizes como um nome genérico para um produto que contém uma pequena quantidade de óleo ou fornece um acabamento similar. Cuidado com os vernizes e tintas para óleo de tungue, que provavelmente contêm produtos químicos tóxicos não destinados a humanos. Se você usar óleo de tungue, procure por óleo de tungue 100% puro.

Óleo de linhaça

O óleo de linhaça cru é seguro para consumo humano. No entanto, o óleo de linhaça fervido é aquecido e tratado com produtos químicos que o tornam tóxico para humanos. O óleo de linhaça é valorizado entre os marceneiros por suas propriedades de repelir a água e dar brilho depois de aplicado. No entanto, como é um óleo orgânico, pode ficar rançoso com o tempo. Para nós, humanos, isso significa um cheiro desagradável, ou um sabor persistente no objeto de madeira. Use óleo de linhaça somente se você souber a fonte e a qualidade dele.

Óleo De Nozes

Extraído de nozes inglesas, o óleo de noz é semelhante ao óleo de linhaça com alguns inconvenientes e benefícios adicionais. Em primeiro lugar, vem de uma noz, por isso, seja cauteloso para pessoas alérgicas. Também é muito caro e, como o óleo de linhaça, acabará por ficar rançoso. O único benefício é que o óleo de noz cheira muito bem!

Óleo de coco (refinado, virgem ou não processado)

Um óleo comestível extraído da carne de coco amadurecido, o óleo de coco é uma substância cada vez mais popular usada para manter tábuas de corte . Devido ao seu alto conteúdo saturado, ele é lento para oxidar e, portanto, é resistente à ranço. Dito isto, há relatos de tábuas que foram tratadas com óleo de coco começando a cheirar depois de um longo período de tempo.

O óleo de coco tem uma infinidade de usos: como hidratante da pele, sabão, para cozinhar e fritar, e até mesmo queimar para luz de velas.

Água Sanitária

Todos nós estamos familiarizados com as propriedades desinfetantes da água sanitária. Ele reage rapidamente com as células microbianas para desnaturar e destruir muitos patógenos. Altos níveis de água sanitária são tóxicos para os seres humanos, no entanto. A boa notícia de que uma solução de água sanitária diluída é segura para você e sua tábua de corte. Adicione uma colher de chá de água sanitária a um litro de água e mergulhe a tábua. Lave com água quente e depois seque com uma toalha. Nunca use água sanitária não diluída em suas tábuas de corte ou blocos de açougueiro, pois esta é uma concentração insegura e também pode descolorir sua placa. Mais importante ainda, nunca deixe a sua tábua de molho na água sanitária.

Não recomendado

Óleos Vegetais 

Azeite de oliva, óleo de milho e óleo de girassol, nunca devem ser usados ​​para manter uma tábua de corte ou utensílios de madeira. Como mencionado acima, esses óleos apresentam rancificação – um processo que produz um cheiro rançoso e sabor desagradável. Como uma tábua de corte toca sua comida, substâncias que podem se tornar rançosas devem ser evitadas. A comida deve ser sempre saborosa!

Verniz

Um acabamento ou película transparente, dura e protetora utilizado na madeira, o verniz é também chamado de goma-laca. Embora esses produtos protejam a madeira e proporcionem um acabamento bonito, eles são inadequados para manter uma tábua de corte. A maioria dos vernizes é feita a partir de um solvente que preserva o líquido no recipiente e evapora à medida que o acabamento seca, deixando um aglutinante ou resina que protege a superfície da madeira. Esta resina residual irá lascar e descascar quando exposta a objetos pontiagudos como facas. Isso é problemático por duas razões: 1) as substâncias no verniz podem ser tóxicas para os seres humanos e 2) ter pequenos pedaços de verniz nos alimentos pode arruinar o gosto e o apelo estético.

Álcool

Quando as tábuas de corte  não são mantidos adequadamente, podem ficar secos e rachar. O álcool, enquanto um ótimo desinfetante, é extremamente ressecante. Usá-lo na madeira seria contraproducente para a manutenção. Para desinfetar, use uma solução de água sanitária diluída ou sabão.

Gostou? Compartilhe!

1 comentário

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.